Follow by Email

quinta-feira, 2 de abril de 2009

"A consciência humana vive numa busca perpétua de uma linguagem e um estilo. Assumir consciência é, ao mesmo tempo, assumir uma forma. Mesmo em níveis muito abaixo da definição e clareza, existem formas, medidas e relações. A principal característica da mente é estar constantemente descrevendo a si mesma. A mente é um desenho em estado de incessante fluxo, de tecer e destecer incessante, e sua atividade, nesse sentido, é uma atividade artística. Como o artista, a mente trabalha sobre a natureza. E isso ela faz com as premissas oferecidas, de modo tão copioso e descuidado, pela vida física, e sobre essas premissas, a mente não cessa nunca de trabalhar. Ela busca tornar tais premissas suas, dar-lhe uma mente,dar-lhes forma."
Henri Focillon

Nenhum comentário: